top of page

CENTRO PALMARES E MÃES ATÍPICAS NO BICENTENÁRIO DO 2 DE JULHO EM SALVADOR

Na data do bicentenário do 2 de julho, dia da independência da Bahia, mães de crianças e adolescentes com Transtorno do Espectro Autista (TEA) manifestaram-se pelas ruas de Salvador para expressar sua indignação, marcada pela luta dos direitos da população neurodiversa, as mães denunciaram o descaso e o abandono enfrentados por seus filhos na cidade. O Centro Palmares esteve presente na manifestação, representado por sua Presidenta Tatiane Souza da Costa, mãe atípica do pequeno Nairobi.


Sob a organização da Aliança Núcleo de Mães de Filhos Autistas, uma associação em busca dos direitos dos autistas, as mães reuniram-se em um movimento unificado, buscando chamar a atenção das autoridades e da sociedade para a falta de apoio e recursos disponíveis para as pessoas com TEA. A luta por direitos igualitários e inclusão é uma bandeira que precisa ser levantada e difundida, visando construir uma sociedade mais justa e acolhedora para todos.


Durante a manifestação eram exibidos cartazes e faixas com mensagens revelando histórias e demandas de famílias que convivem diariamente com o autismo. As mães ressaltaram a importância de um olhar mais atento e inclusivo para essas crianças e adolescentes, defendendo que elas merecem oportunidades igualitárias de desenvolvimento, educação e qualidade de vida.


As mães convidam outras pessoas a se unirem ao movimento e a compartilharem suas experiências, a fim de fortalecer a voz coletiva em prol dos direitos dos autistas. A Aliança Núcleo de Mães de Filhos Autistas disponibiliza por meio do telefone (71) 98293-2305, contato para buscar promover uma maior interação entre as famílias e a associação.


Outra iniciativa adotada foi a disponibilização de um número de CPF para doações via Pix (01263522599). Essa medida visa angariar recursos para a realização de projetos e ações que possam impactar positivamente a vida das pessoas com TEA e suas famílias.



133 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page