top of page

Creuza Oliveira, primeira trabalhadora doméstica a receber o título de "Doutora Honoris Causa"



Salvador, 24 de novembro de 2023


Nesta sexta-feira (24), a sindicalista e ativista Creuza Oliveira, de 65 anos, tornou-se a primeira trabalhadora doméstica a receber o título de "Doutora Honoris Causa" no Brasil, a cerimônia da homenagem, realizada pelo Instituto de Psicologia da Universidade Federal da Bahia - UFBA, ocorreu na reitoria da instituição, marcando um reconhecimento notável à sua trajetória como liderança sindical na defesa dos direitos das trabalhadoras domésticas, a cerimônia contou com a presença de trabalhadoras domésticas, amigos e admiradores de Creuza.


A sindicalista expressou sua emoção e ressaltou a dedicação às lutas sociais, trabalhistas e raciais, reconhecendo não apenas sua própria jornada, mas também a de suas colegas na busca por equidade no trabalho doméstico, destacando a importância de outras figuras pioneiras, como Laudelina de Campos Melo e Lenira de Carvalho, na luta pelo reconhecimento do trabalho doméstico.



Sua História


Nascida em Salvador e realizando trabalho doméstico desde os 10 anos, Creuza Oliveira posteriormente mudando-se para o interior. Sua persistência em obter documentação para estudar a levou de volta à capital aos 14 anos. Durante o período noturno, enquanto estudava, teve contato com trabalhadoras e trabalhadores de diversos setores, com a falta de representatividade sindical para a categoria, que ainda não era reconhecida, das trabalhadoras domésticas, o que acabou motivando Creuza a ingressar na luta por direitos.


Na década de 80, ela se uniu a um grupo de discussão sobre os direitos dos trabalhadores domésticos, fundando, em 1986, a Associação das Empregadas Domésticas da Bahia. Com a promulgação da Constituição Federal de 1988, a luta de Creuza culminou na fundação e presidência do Sindicato dos Trabalhadores Domésticos da Bahia em 1992. Ao longo dos anos, Creuza contribuiu ativamente para a construção da PEC das Domésticas, regulamentando os direitos da categoria e reduzindo as desigualdades trabalhistas.


Creuza Oliveira, além de ser presidente de honra da Federação Nacional das Trabalhadoras Domésticas (Fenatrad), é secretária de Formação Sindical e de Estudos do Sindicato dos Trabalhadores Domésticos da Bahia (SINDOMÉSTICO/BA) e coordenadora-geral do Instituto 27 de Abril (IEC). Sua trajetória e contribuições foram reconhecidas por diversos prêmios e títulos ao longo dos anos.

41 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page